domingo, 2 de julho de 2017

10 Fatos da Perfumaria! 2º

10 Fatos da Perfumaria!


2 º  O primeiro perfume à base de álcool foi feito em meados do século XVII, sendo que o álcool já era grande novidade no uso de diluições e como conservante. E qual foi importância do álcool na preparação dos perfumes naquela época?


A história relata que o primeiro perfume feito com álcool foi criado pela rainha Elizabeth da Hungria, cerca de 1650, quem teria obtido grandes vantagens na saúde e no rejuvenescimento com uso generoso e diário, numa combinação que indicava o uso de  alecrim, tomilho e sálvia ao brandy, o que até hoje varia bastante. Na verdade, toda esta história pode ter sido mal contada, claro que em relação a sua criação, pois este tipo de preparo era originalmente indicado como tônico por farmacêuticos nos tratamentos de saúde.

 Com o uso do álcool permitiu-se preparações mais diluídas, principalmente com essências mais frescas e mais voláteis, como vimos com a utilização da sálvia e do alecrim, bem como as flores - ex. a lavanda. Isso deu origem as águas-de-colônia que na sequência da historia da perfumaria se desdobra com muito sucesso.Outro fator é que essas águas seriam utilizadas não somente como perfume, mas também na higiene ; eram utilizadas para as pessoas se lavarem e se tornou um dos perfumes mais popular na Europa até o seculo XVIII.

Curiosidade: Amante das águas-de-colônias, Napoleão utilizaria litros delas por dia...


Astral Aromas Perfumaria Botânica e Natural - LOJA

Adriano Brasil - Perfumista Botânico / Aromaterapeuta e Terapeuta Holistico

http://i-d.vice.com/en_us

 A Arte dos Perfumes - Nichollas de Barry 

  

Nenhum comentário:

Postar um comentário