sábado, 24 de fevereiro de 2018


AROMATERAPIA e FLORAIS DE BACH na PERFUMARIA BOTÂNICA


É comum que muita gente confunda as essências dos Florais de Bach com óleos essenciais, no entanto, nada tem a ver um com outro, mesmo que ambos sejam obtidos das plantas e flores.

Os Florais de Bach foram desenvolvidos pelo médico Edward Bach, nos anos 30, quem criou 38  remédios florais que atuam nos estados negativos da mente/emoções, ou seja, atuam de forma sutil, vibracional; lembrando que as essências florais não são aromáticas. Sua obtenção ocorre em alguns casos por cocção, mas sempre energizando essas imersões ou as próprias plantas ou flores no banho solar ou lunar, resultando na essência mãe que é conservada com brandy.
Dr. Bach relacionou sua essências em 7 grupos: 

MEDO   INSEGURANÇA    FALTA DE INTERESSE NO PRESENTE    SOLIDÃO  
HIPERSENSIBILIDADE A INFLUÊNCIAS E IDÉIAS   DESALENTO E DESESPERO
PREOCUPAÇÃO EXCESSIVA COM OS OUTROS

Em relação aos óleos essências, que também são obtidos de diversas matérias vegetais, resultam em um composto de moléculas aromáticas e constituintes químicos orgânicos que atuam no tratamento fisiológico, emocional, mental e energético.
O processo de obtenção mais comum dos óleos essências são por destilação a vapor e extração e se compararmos seu composto com o chá da planta podemos verificar, numa média, que uma gota de óleo essencial equivale a vinte quatro xícaras das de chá.

Os óleos essenciais também carregam a vibração das plantas e atuam nos campos sutis do ser humano, principalmente nas emoções por meio da inalação, e da mesma forma que as essências florais podem ser utilizados via oral e tópico.
Assim como as essências florais, os óleos essenciais interagem na personalidade e emoções, já não ocorre o mesmo com os florais em relação a interação terapêutica que os óleos essenciais promovem devido sua constituição química. Ao comparar ambos fica claro que são perfeitos para uso conjunto e que suas forças somatizam ainda mais os benefícios.


   Por falar em benefícios -  Etherium é um perfume botânico, pensado exatamente nessa  combinação de perfumaria botânica e florais de Bach. 
E qual é o propósito dessa união?



Bem, a proposta é trabalhar o poder aromaterápico com a vibração dos florais na busca pelo equilíbrio e harmonia. Também levamos em conta a astrologia, pois sabemos que os astros exercem influências e energias na qual podem polarizar forças desfavoráveis em nossas vidas.

O resultado se torna uma habilidade e percepção de como as essências florais junto aos óleos essenciais podem ser efetivos no equilíbrio e transformação de emoções negativas bloqueadas em positivas.

Veja alguns Florais de Bach que atuam no Etherium

Cerato - Incerteza e falta de confiança.

Mimulos - Medo de coisas conhecidas / Timidez.

Larch - Sentimento de inferioridade / Sente-se incapaz / Baixa auto-estima


Verviam - Tensão, Preocupação excessiva / Fanatismo



Vine - Controle excessivo / Autoritarismo / Incompreensão



Ao utilizar este perfume permitimos que energias e padrões desequilibrados sejam transformados pela força natural das plantas e flores; os Florais de Bach que nos nutri daquilo que estamos em falta, bem como os óleos essenciais que atuam em vários níveis de cura. E assim concluímos que está composição se completa com todos elementos, principalmente com a força etérica.

Você pode encontrar o perfume Etherium em nossa loja clicando na imagem abaixo



Adriano Brasil
Terapeuta Holístico
Perfumista Botânico 
www.astralaromas.com.br

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

A VIBRAÇÃO DA BAUNILHA 


 Falar de luz é algo abstrato, assim como o poder da mente, no entanto, nossos pensamentos podem se manifestar no mundo físico.
Assim é a Baunilha ( Vanilla Planifolia - Orchidaceae) que nos traz a satisfação e nutrição através da luz que é necessária para nossa sustentação.
Seu aroma aguça nossas papilas gustativas que sintonizam e purificam, ao mesmo tempo que as transformam em receptores luminosos. 

É a sua maneira de alinhar nosso corpo mental com os chacras da garganta, do coração e da coroa, e isso motiva o amor, que nos permite uma expressão mais harmoniosa.

Seu aroma nos traz lembranças calorosas e de cuidado, principalmente daquilo que nos nutriu. Sua força energética é fonte expansiva de luz que supre a necessidade de alimento, quando a sintonizamos com o físico.

Ao nos integrarmos com sua força nos deparamos com sentidos mais apurados e a necessidade de escolhas mais naturais, seja com alimentos, produtos e ambientes. 

Na perfumaria, a baunilha é um produto caro e raro, logo é muito comum na forma sintética, a qual nenhum valor terapêutico pode ser obtido. Aqui estamos falando de perfumaria botânica na qual utilizamos produtos 100% naturais como absolutos ou tinturas que resultam em perfumes de notas balsâmicas . 
Seu aroma delicado e sutil evoca uma conexão emocional profunda com a vida, o que aflora nossa percepção e criatividade com uma energia intimamente verdadeira. Parece que neste momento, não há limites para manifestação física da consciência abstrata.

Com um aroma mundialmente atrativo e influente nas emoções, desenvolve a sensualidade, trabalha a inibição e a ansiedade, dissolve raiva e frustração. É considerado um afrodisíaco!

Tem ação de equilíbrio hormonal, ameniza sintomas da TPM e reduz cólicas menstruais. Na pele, tem propriedades antioxidantes, protegendo contra os radicais livres e prevenindo o envelhecimento.*

Imaginem uma orquídea tropical com flor branca em formato de cálice, onde seres iluminados como os beija-flores se saciam. 

Quer usufruir de todos estes benefícios? Adquira nosso perfume sólido ou personalize o seu na Astral Aromas


Adriano Brasil
 Perfumista Botânico 
Terapeuta Holistico

Fontes Bibliograficas:
Deborah Eidson, Cura Vibracional
*Laszlo - www.emporiolaszlo.com.br

sábado, 17 de fevereiro de 2018


ETHERIUM  UM  PERFUME  ASTRAL  2018
 

Dia 16 de fevereiro de 2018 data o efetivo início do ano conforme a astrologia chinesa, assim, o que os astros inclinam em relação aos elementos a partir desta data começa a fluir. O ano astrológico ocidental se inicia em 20 de março com o signo de aries e por ai segue sua regência planetária solar...

E ai fica a pergunta:  Qual a relevância disto na perfumaria botânica?
Bem, a ideia de relacionar as plantas com os signos do zodíaco não é nova, aliás, isso já tem ocorrido por milhares de anos, muito antes de Nicholas Culpeper, um dos mais conhecidos astrólogos e herbalista/herborista tradicional que relacionava as plantas a respectivos planetas astrológicos. Antes dele, Paracelsus já bebia na fonte das descobertas do pai da medicina - Hipócrates, que além de dar inicio a sistematização das plantas também integrou a alquimia e a astrologia na medicina.

Realizar a força dos ciclos planetários, a correspondência dos órgãos e partes do corpo, bem como a energia das plantas foi algo que se desenvolveu dentro da astrologia junto à botânica com propósitos não somente energéticos, mas também como uma ferramenta em busca da saúde e bem-estar.

Na perfumaria botânica levamos em conta a abordagem terapêutica através da aromaterapia, bem como a composição de notas aromáticas, ou seja, a utilização de óleos essenciais específicos que compõem o perfume são considerados em razão das causas e sintomas determinados. No caso de um perfume botânico astral, além das considerações mencionadas também são empregadas, principalmente as observações dos ciclos planetários que marcam um signo, no caso de um perfume do mapa astral ou do ano como é caso do perfume Etherium 2018.

Em relação a astrologia chinesa, bem como a medicina tradicional chinesa consideramos a teoria dos 5 elementos  e os movimentos do  Yin e Yang, na verdade estes elementos representam as forças naturais e que juntas formam um todo dinâmico que influenciam nossas vidas aqui neste planeta.

                 2018 é um ano regido pelo elemento Terra - Yang, Planeta Jupiter 

Aspectos Positivos:
ação, motivação, instrução, crescimento, força, luz, dia, energia, transformação, eliminação, proteção
inspiração, ganhos, estrutura, justiça, fraternidade

Aspectos Negativos:
abuso, excesso, falta de controle, compulsão, agitação, hipersensibilidade, hiperatividade, insônia, egoismo, cinismo

Observando esses aspectos, suas influências e como reagimos e interagimos a eles,  resultará numa condição da qual teremos êxito ou sofreremos em suas polaridades. E assim surge uma alternativa, prazerosa, saudável e energeticamente benéfica.

O que se busca o tempo todo é harmonizar e equilibrar as polaridades e dentro desta relação de associações energéticas o perfume botânico é pensado e composto de acordo com um ideal, mas que se complementa  naquele/a que se permitir a sua força, seja terapeuticamente, energeticamente, emocionalmente ou mental.

O Etherium é um perfume astral, botânico, genderless e vegano que traz uma harmoniosa relação de óleos essenciais e Florais de Bach correspondentes com as influências astrais de 2018. 



Notas de cabeça   -  Frutal cítrico e floral


Nota de coração - Verde aromático e levemente doce  


Nota de fundo  -  Amadeirado balsâmico 










Adriano Brasil 
Perfumista Botânico - Astral Aromas
Terapeuta Holístico 





quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Co-criando Emoções e Comportamentos com Perfumeterapia


É muito comum nos deixarmos levar pelas emoções e consequentemente ações radicais devido situações inconvenientes em nosso dia a dia, o problema é quando essas emoções passam a ocorrer com frequência e de forma negativa, logo nosso comportamento mais comum é reagir na mesma vibração dessas emoções - como raiva, estupidez, grosseria e uma constante elevação de estresse...



Como a Perfumeterapia pode nos ajudar nesse sentido?

Bem, sabemos que os óleos essenciais possuem excelentes efeitos, não só fisiológicos, mas também em nossas emoções, padrões mentais e comportamentais. Quando entramos em sintonia com esse conjunto de benefícios que a aromaterapia nos proporciona, percebemos o quão valioso é um Perfume Botânico para resgatar nossa essência e equilíbrio.
São vários os óleos essenciais que podermos usar para lidar com estresse, irritação, nervosismo entre outros e por se tratar uma terapia holística, um Perfume Botânico sempre resultará de uma abordagem completa em que o indivíduo é analisado como um todo e não somente seu sintoma. Na composição respeitamos as preferências aromáticas e famílias olfativas que mais o agrada, bem como normas de segurança e conhecimentos da perfumaria botânica para que ao final possamos iniciar um caminho aromático que possa proporcionar alegria, saúde e bem estar.  

Falando em co-criação é justo mencionar que nada funciona sozinho e tudo está ligado, pois somos parte de um todo, e que portanto, o Perfume não é uma varinha mágica para  solucionar todos os problemas da nossa vida. A partir do momento que passamos a nos sintonizar com o mundo de uma forma diferente da qual estamos habituados, podemos perceber que a realidade é nada mais do que uma semente plantada em forma de ações e pensamentos que vibram na mesma energia. Se elevarmos nossas ações e pensamentos de maneira positiva é o que receberemos em dobro, se sentimos que somos dignos de algo melhor e o contemplamos em nós, sem detrimento aos outros ele sempre será bem vindo. Cultivemos então, tudo que é bom, para que ele seja sempre parte de nós.



A Perfumeterapia é uma das formas mais sutis da aromaterapia e isso quer dizer essencialidade, a qual nem sempre podemos ver, mas que atinge positivamente campos do nosso ser  que foram afetados e resultaram em desequilíbrios emocionais, físicos ou mentais. Assim, podemos afirmar que um Perfume Botânico além de  levar prazer para o corpo e para alma também trabalha campos sutis os quais deixamos adoecer ao longo do tempo porque nos afastamos da nossa essência, mas, que não podemos dispensá-la sem  sofrer as consequências.

Deve ficar claro que não se trata de uma forma de remediar alopaticamente, aliás, é importante saber que nenhuma terapia integrativa irá substituir um tratamento médico, mas sim complementar o tratamento quando for o caso.

 Gostamos de iniciar tudo no ano que vem, nas segundas, no próximo mês ou amanhã... Mas agora é sempre o melhor momento para criarmos algo melhor, então comecemos dentro de nós, com nossas emoções, ações e hábitos positivos.



Astral Aromas
Adriano Brasil - Terapeuta Holístico
Aromaterapia e Perfumaria Botânica - Loja
www.facebook.com/astralaromas



terça-feira, 26 de setembro de 2017

10 Fatos da Perfumaria! 5º

                                         Tipos de Perfumes na História

Pode não ser novidade para alguns, mas para muita gente, perfume é apenas aquele frasco com válvula spray para nebulizar alguma fragrância líquida sobre o corpo.
Então, o que mais pode ser perfume se não o frasco spray mencionado, com a fragrância líquida?
O fato de recorrer aos egípcios, os gregos, romanos, indianos, italianos e franceses que se destacaram no desenvolvimento da perfumaria é porque todos contribuíram para o desenvolvimento dos diferentes tipos de perfume, e quando vejo alguma novidade no mercado imediatamente identifico o quanto ele se inspira no que já foi útil ou tendência para atrair mais consumidores, além dos aromas é claro... Aqui não estamos falando da diferença relacionada as graduações dos perfumes como Eau de Parfum, Toillete ou Cologne, mas sim de alguns produtos considerados perfumes ao longo da história.
Várias formas e tipos de perfumes já foram mencionados nos 10 Fatos da Perfumaria, principalmente com os incensos, mas neste vamos mencionar alguns que podem surpreender muita gente, talvez porque nunca usaram como perfume, ou nunca reconheceram como perfume ou até mesmo, nunca viram.


Por falar em história iniciaremos com os bálsamos e pomadas que registram o uso da aromaterapia em épocas que nem se imaginava os óleos essenciais que conhecemos hoje em dia, isso porque eles já eram utilizados medicinalmente. Na Europa meados do sec. XIV um exemplo era o pomander na proteção contra infecções pestilenciosas. 

Eram produtos à base de resinosas menos sólidas, gomas e exsudações vegetais, com variações adicionados a óleos e ceras. E ainda que fossem muito usados em tratamentos de saúde, adorações e curas espirituais, também passaram a ser utilizados como perfumes. Atualmente utilizamos colares aromáticos para obter os benefícios da aromaterapia.


Uma outra opção completamente ligada as pomadas e bálsamos são os perfumes sólidos - estes também podem ser compostos por base resinosas, gomas e exsudações vegetais, óleos vegetais e ceras, sem mencionar os concretos, absolutos e as manteigas advindos de uma tecnologia mais moderna.

Vele lembrar que numa proporção mais sólida do que vimos anteriormente, o perfume sólido tornou-se uma ótima opção

para adornos e jóias perfumadas desde a idade média.

Os perfumes sólidos são uma ótima opção para aqueles que querem avaliar suas notas aromáticas lentamente, pois diferentemente da explosão causada pelos perfumes alcoólicos, os perfumes sólidos englobam as moléculas dos óleos essenciais que transformam junto a pele uma reação odorífera ainda mais viva e gradativa.  





Outra forma interessante de se perfumar foi com talcos, produtos que podem ser obtidos através de diferentes tipos de minerais ou amido, e até hoje é utilizado, principalmente como desodorante... Na história do perfume o uso de pó branco e talcos foram símbolos de nobreza e beleza, tanto na Europa como Oriente, e também foram incorporados às vestimentas, como luvas e as perucas, hoje 
são produtos bem distintos na indústria e bastante polêmicos em relação a segurança de uso devido as composições.

Partindo para outro tipo de perfume, desta vez vamos falar de um produto que hoje em dia é mais comum nas massagens e banhos. 
O óleo vegetal em si nos remete a qualquer composto oleoso que pudesse servir de perfume e que com o tempo passou cada vez mais sendo utilizado na estética corporal e também na alimentação, um exemplo é o óleo de oliva. Sem dúvida os óleos sempre forem o meio pelo qual o aroma de muitas plantas, flores e resinas puderam ser mais facilmente trabalhadas com o propósito perfumático. Em alguns momentos os óleos foram sinônimos de gordura, fermentações, extratos e ceras, todos com a finalidade de compor aromas e servindo como veículo, tanto na medicina, preparados de adoração e beleza. A ideia de usar óleos como perfume ou até mesmo como hidratante nem sempre foi benquista na modernidade, mas com o movimento saúde e verde, hoje em dia, a informação sobre os benefícios dos óleos vegetais tem ajudado a dizimar esse preconceito.
Definindo então um pouco mais o perfume oleoso, não se trata apenas de uma mistura ou sinergia simples, e sim uma composição aromática tal qual um perfume alcoólico, observando as notas dimensionais, famílias olfativas e ou acordes em sua composição.

Falar de perfume por si só envolve um amplo campo de fontes de pesquisa, tempo, tipos e principalmente o que é um perfume, e ainda, sua definição pode nos levar mais longe.

perfume (1551 FCastH)  dicionáriohouaiss
Princ. / Etim. substantivo masculino

1 emanação aromática que exalam certos corpos ou substânciase que é percebida pelos órgãos olfativos dohomem e de certos animaischeiroodor ‹p. das árvoresdas flores
2 aroma que emana de composição ou preparado criado artificialmente ‹um vinho de p. suave
2.1 composição odorífera us. esp. em toalete ‹gostava especialmente dos p. da Dior
2.1.1 p.met. frasco ou recipiente que contém essa composição ‹colocou todos os seus p. sobre a penteadeira
3 substância aromática us. na preparação de iguarias suavescomo licores
4 fig. efeito suaveagradáveldoçura.


 Estes foram alguns tipos de perfumes desenvolvidos na história em diferentes períodos e necessidades... Muito do que a vimos ainda faz parta da @Astralaromas, pois a aromaterapia se desenvolveu, enquanto  os perfumes se industrializaram levando para longe a conexão da natureza com a essência humana.
Quer conhecer perfumes botânicos e o quanto eles podem te beneficiar? LojaAstralaromas  

Adriano Brasil - Perfumista Botânico/Terapeuta Integrativo CRTH 2483
www.perfume.com
www.perfumesociety.org

Book: Aroma- The Cultural History of Smell